Publicação:
30/01/2013
“Seja você mesmo, não importa o que falem” (O segredo do sucesso pode estar no “erro”)   (Por Cássio Cunha)

O recifense Cássio Cunha começou sua carreira profissional tocando em grupos de música instrumental e acompanhando diversos artistas. Em 1992 mudou-se para o Rio de Janeiro. Tocou/gravou com Blitz, Boca Livre, Djavan, Eduardo Dusek, Elza Soares, Flávio Venturini, Geraldo Azevedo, Ivan Lins, Jeff Gardner, João Donato, Leila Pinheiro, Maracatu Nação Pernambuco, Moraes Moreira, Nana Caymmi, Ney Matogrosso, Oswaldinho do Acordeon, Paulo Moura, Quinteto Violado, Sandra de Sá, Sivuca. Publicou os livros IPC - Independência Polirrítmica Coordenada (2ª edição) e ARB – Acentos Rítmicos Brasileiros. Atualmente é coordenador do curso de bateria da escola de música Fábrika de Sons, e vem desenvolvendo trabalhos próprios, aulas e workshops. Toca com Alceu Valença, Nuria Mallena, Daniel Gonzaga, Vittor Santos e Areia & GMA. Contatos: cassio@cassiocunha.com e casscunhabr@gmail.com.
 
 Parodiando a música “Englishman in New York”, do Sting (ex-vocalista e baixista do The Police), e que tem em sua letra exatamente uma frase que intitula esta coluna, resolvi falar sobre como ela se aplica a uma das mais democráticas e difíceis eras da história humana, a nossa. Com a suposta globalização, nunca antes na história tantas pessoas tiveram acesso a informações de maneira tão rápida e simples, abrindo com isso oportunidades que em outros tempos era privilégio de poucos. E nunca a frase “Em terra de cego, quem tem um olho é rei” ficou tão sem sentido. Afinal, hoje todos podem ser reis! Certo? Afinal, não faltam olhos no universo digital globalizado. 
Veja a matéria completa na Guitar Player nº 123
VEJA TAMBÉM
FORMA MUSICAL ( 06/04/2017 )
 Bem-vindos à primeira lição do ano! E já que é a primeira, vamos falar de algo bem básico: forma musical. Que nós tocamos um instrumento responsável pelo ritmo, todos sabem (e por isso ...
LER A MATÉRIA
PARADIDDLES + GANGORRA PARTE 2 ( 06/04/2017 )
 Olá! Sempre uma honra estar por aqui. Esses exercícios têm como objetivo mesclar o paradiddle simples em um groove com o uso da gangorra (foot splash). Na primeira parte desse estudo, que está no meu canal do ...
LER A MATÉRIA
Pandeiro de Samba ( 06/04/2017 )
 É com muita alegria que irei falar sobre o pandeiro de samba, meu primeiro instrumento musical. Originário do Oriente Médio, difundido em inúmeras danças populares no Brasil e no mundo, o uso do pandeiro tem ...
LER A MATÉRIA
O RITMO DO JEQUIBAU ( 06/04/2017 )
 JEQUIBAU, THE EXCITING NEW RHYTHM FROM BRAZIL Jequibau é um ritmo escrito em compasso quinário (5/4) que surgiu na década de 1960, mas não pegou. Em pleno império da bossa nova, o jequibau não teve a ...
LER A MATÉRIA
INOVAÇÃO E TRADIÇÃO ( 06/04/2017 )
 Inovação é uma palavra muito comum nos dias de hoje. Parece ser o maior valor que alguém, ou algo, possa ter. Sabemos que em qualquer profissão ou atividade aqueles que se destacam são os que, de ...
LER A MATÉRIA
NOTA POR NOTA - UM POR TODOS JOÃO BOSCO E ALDIR BLANC ( 21/11/2016 )
 Disco: Falso Brilhante (Elis Regina) – 1976 Baterista: Nenê Olá! Sempre uma honra estar por aqui. Escrevo sobre um baterista de quem sou muito fã: Realcino Lima Filho, mais conhecido como Nenê. Esse ...
LER A MATÉRIA
The X FacTor ( 21/11/2016 )
 Nos últimos dois meses participei do programa musical The X Factor Brasil. The X Factor é uma competição da televisão britânica que procura talentos musicais. Foi criado por Simon Cowell, tem a ...
LER A MATÉRIA
DOM UM ROMÃO ( 21/11/2016 )
 Olá! Nesta edição, vou aproveitar a pesquisa de mestrado que estou fazendo na Unicamp sobre o grande batera Dom Um Romão e trazer um pouco da história e da música deste que é uma ...
LER A MATÉRIA
Estudos polirrítmicos na batEria ( 21/11/2016 )
 Olá, amigo leitor da revista Modern Drummer Brasil. Nesta edição vou mostrar alguns exemplos de exercícios que venho estudando e servem para desenvolver maior coordenação entre os membros; melhorar a ...
LER A MATÉRIA
Tempo, ciclos e pulsação ( 21/11/2016 )
 TUDO SE CO NECTA EM CICLOS Pense em uma coisa. Qualquer coisa. É muito provável que esta coisa, seja qual for, tenha um conceito cíclico envolvido. Se você pensou em algo vivo, como uma planta, um animal ou mesmo ...
LER A MATÉRIA

Assinaturas | Contato | RSS | Moder Drummer U.S |
© Copyright . 1996 . 2011 | MODERDRUMMER.COM.BR - MELODY EDITORA | Todos os direitos reservados | Site desenvolvivo por Gustavo Sazes | Abstrata.net